Homossexuais, sejam bem vindos!


“…Mas Jesus, inclinando-se, escrevia com o dedo na terra…” (João 8:6)

Amados leitores, peço-lhes um minuto, uma pequena fração de seu tempo. Rogo por esta oportunidade para que possa explicar meus motivos. É bem provável, que alguns, mesmo após uma leitura criteriosa, continuem achando que sou digno de apedrejamento – eles tem este direito – mas não posso me furtar a obrigação de falar do que eu entendo  por “ser Igreja”. Escrevi este pequeno ensaio, pois entendi que um trecho de meu texto anterior, merecia ser estendido:

Devemos incluir aqueles que, atualmente, são rejeitados pelas “igrejas”: Os miseráveis, alcoólatras, drogados, as prostitutas, os homossexuais, etc… As igrejas devem pensar mais em crescer em amor e menos em inchar em número de membros!

Dentre todos os “grupos” citados no destaque, talvez o que cause mais mal estar aos evangélicos seja o dos homossexuais. Não é difícil encontrar textos fazendo referencia a eles como “um presságio do fim dos tempos” ou “inimigos numero um das familias cristãs”, etc…

Sinceramente, não os enxergo desta forma. Entendo que os homossexuais são pessoas que precisam ser trazidos para dentro da Igreja! Não! Não estou fazendo “proselitismo gay”, para isto já basta a grande mídia…

Precisamos integrar os homossexuais a Igreja pois creio que, para uma pessoa que busca uma mudança de vida, é salutar estar na Igreja. E estar na Igreja não significa ir aos cultos, significa estar envolvido com a Igreja (lembrem-se! Igreja não é aquele prédio!).

Apesar da maciça campanha que os meios de comunicação tem empreendido contra a “homofobia”, os homossexuais ainda sofrem com o preconceito. E como quaisquer componentes de um segmento marginalizado da sociedade, eles costumam se agrupar. Esta conduta os torna menos vulneráveis e lhes confere poder de barganha junto aos políticos.

Baseado neste comportamento digo que, esta é a chave para conseguir recuperar estas vidas! Não excluindo ou isolando, mas incluindo e acolhendo! Qualquer um que conseguiu superar um vício ou um desvio de caráter sabe como é difícil vencer os diversos obstáculos que se apresentam; e sozinho, estas dificuldades só são potencializadas! O caminho rumo a restauração é mais fácil de ser trilhado em grupo! Uns ajudando a levar as cargas dos outros!

“Levai as cargas uns dos outros, e assim cumprireis a lei de Cristo.” (Gálatas 6:2)

Claro que como cristão, creio em uma ação sobrenatural e imediata do Espírito Santo…

“Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo.” (2 Coríntios 5:17)

Mas também sei que as tentações inevitavelmente virão. Paulo comparou sua busca pela santidade e seu esforço para resistir as tentações a uma verdadeira batalha!

“Pois eu assim corro, não como a coisa incerta; assim combato, não como batendo no ar. Antes subjugo o meu corpo, e o reduzo à servidão, para que, pregando aos outros, eu mesmo não venha de alguma maneira a ficar reprovado.” (1 Coríntios 9:26,27)

Eu sou tentado diariamente, e você caro leito, também! Não seria diferente com um homossexual em busca de restauração… As eventuais “quedas” podem ocorrer, e são nestas horas que devemos demonstrar mais amor e paciência. Não há pecado que o Senhor não possa perdoar!

“Meus filhinhos, estas coisas vos escrevo, para que não pequeis; e, se alguém pecar, temos um Advogado para com o Pai, Jesus Cristo, o justo.” (1 João 2:1)

É bem verdade que no versículo supracitado, João faz uma exortação a santidade, entretanto no mesmo verso, ele consola seus “filhinhos”, pois estava perfeitamente ciente da falibilidade de seus corpos.

“Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; na verdade, o espírito está pronto, mas a carne é fraca” (Mateus 26:41)

Creio que nenhum ser humano deva ser definido por suas práticas, diante disto afirmo que, homossexuais antes de tudo, são homens e mulheres, e como tal, são carentes de Deus! Digo também, que seus pecados não são piores que os meus, e se houve perdão para mim, com certeza haverá para eles.

Oro que Deus lhes conceda os dons da fé e do arrependimento…

nEle

Carlos

Anúncios
Etiquetado , ,

9 pensamentos sobre “Homossexuais, sejam bem vindos!

  1. Carlos, “…é preciso primeiro “estar na Igreja” para depois “ser Igreja”… Como você chegou a essa conclusão?

    abração

    hugo

    • porele disse:

      Não entenda isto como uma “condição” para estar incluso no Corpo de Cristo… O mote do texto é “ter pessoas próximas em quem se apoiar” e inclusão…

      Veja pelo prisma da comunhão e do apoio mútuo…

      Bem, acho realmente que não fui muito feliz nesta colocação… Este trecho foi o que me tomou mais tempo, e como vi, não consegui ser claro o suficiente… Vou tentar dar um tapa na redação!

    • porele disse:

      Pronto macho! heheheh… Vê se melhorou… rsrs

  2. Carlos, “…para uma pessoa que busca uma mudança de vida, é salutar estar na Igreja.” Como você chegou a essa conclusão? Ateus também mudam de vida! rsrsrs

  3. Carolina disse:

    sim, vamos trazer os homossexuais pra igreja pq eles precisam ser MUDADOS é isto que seu texto diz.

    por isto que existem as igrejas gays, mtos que não conseguiram “SAIR DESTA PRÁTICA PECAMINOSA” foram louvar a Deus como eles mesmos.

    vamos amar o “pecador homossexual” e execrar o seu “PECADO”

    eu preciso mudar mto sabe meu camarada, preciso servir mais aos pobres, ter mais intimidade com Deus, mas não creio, em momento nenhum, que o fato de uma pessoa ser diferente é condenável

    existem muitos estudos que revem esta questão da homossexualidade na bíblia, o problema é que as igrejas ensinam assim: que é pecado,abominável aos olhos de Deus.

    e aí vem a segregação, grupos guetos de igrejas voltadas a este público que precisa de Deus e não podem ser eles mesmos em suas igrejas

    seria mais justo se todos pudessem simplesmente adorar a Deus e pronto!

    os homossexuais são realmente execrados nas igrejas e acabam na umbanda e no candomblé, religiões que a priori aceitam suas condições, é óbvio que aceitam, o diabo faz qualquer coisa para ganhar almas pra ele!

    nisto, o mundo gls vai se tornando cada vez mais promíscuo e mais perdido… eu te garando, que os gays que seguem verdadeiramente a Cristo têm uma vida reta, monogâmica e de adoração…

    é muito triste esta realidade, ou aceitam os caras para mudá-los ou não aceitam e pronto…

    • porele disse:

      Mana, não sei se você leu o ultimo parágrafo do texto…

      “Creio que nenhum ser humano deva ser definido por suas práticas, diante disto afirmo que, homossexuais antes de tudo, são homens e mulheres, e como tal, são carentes de Deus! “

      Não creio que uma pessoa deva ser definida por suas práticas… Um viciado pode deixar o vício, uma prostituta a prostituição, um pedófilo a pedofilia… As práticas são transitórias e as pessoas, são seres eternos!

      Por que eles não podem deixar esta prática? Eu não fui salvo por meu esforço em buscar santidade, mas abandonei muitas práticas reprováveis quando vim para Cristo… Como disse no texto, continuo sendo tentado, mas esforço-me em não ceder as tentações, continuo a pecar, mas tenho certeza absoluta de que as orientações bíblicas são as que devem reger a minha vida!

      Grato pelo seu comentário!

      nEle
      Carlos

  4. Ahhhaaaaaaa…então seria melhor dizer que “…para uma pessoa que busca uma mudança de vida, é salutar estar acompanhada.” “Não é bom que o homem fique só…” Comunhão mah. O “estar” sempre nos remete a um lugar “é no monte ou no templo?”, já o “ser” supera a geografia. Além do mais existe o mecanismo de legitimação do lugar que é fazer com que o sujeito pense que só “será” quando e enquanto “estiver”. Eu falei mais ou menos isso aqui –> http://tinyurl.com/2vv2mog

    valeu

    • porele disse:

      Exatamente para evitar esta idéia é que completei…

      “(lembrem-se! Igreja não é aquele prédio!).”

      Sacou?

      E olha só…

      “Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo.” (2 Coríntios 5:17)

      Abração!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: